Os primeiros 1000 anos após o advento do Rei Jesus Cristo

santos-analisando-os-livros-do-juizoO Juízo Milenário no Céu Uma vez que o Juiz concluiu todos os casos de Adão até o último ser humano concebido na Terra (At 17:31); uma vez que Ele mesmo, Jesus, e o Pai (Mt 26:64), e com Eles “todos os” anjos que existem no Céu (Mt 25:31) tiverem vindo ao nosso planeta e Jesus tiver ressuscitado os salvos que dormem e alguns perdidos , os que “O traspassaram” e os tiver destruído (Ap 19:21), em seguida a Bíblia narra o seguinte: “Vinde, benditos de meu Pai! Entrai na posse do reino que vos está preparado desde a fundação do mundo” (Mt 25:34); “nós, os vivos, os que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles [os ressuscitados], entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares, e, assim, estaremos para sempre com o Senhor” (I Ts 4:17). Aonde? Na casa do Pai! “E, quando eu for e vos preparar lugar [“na casa de Meu Pai”, verso 2], voltarei e vos receberei para mim mesmo, para que, onde eu estou, estejais vós também. E vós sabeis o caminho para onde eu vou [At 1:9-11]” (Jo 14:3 e 4). A Terra ficará assim após a vinda do Rei Jesus e o arrebatamento visível dos salvos: “Virá, entretanto, como ladrão, o Dia do Senhor, no qual os céus passarão com estrepitoso estrondo, e os elementos se desfarão abrasados; também a terra e as obras que nela existem serão atingidas” (II Pe 3:10). “Os ribeiros de Edom se transformarão em piche, e o seu pó, em enxofre; a sua terra se tornará em piche ardente” (Is 34:9). “Então, todos os montes e ilhas foram movidos do seu lugar” (Ap 6:14). E os salvos? “Bem-aventurado e santo é aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre esses a segunda morte não tem autoridade; pelo contrário, serão sacerdotes de Deus e de Cristo e reinarão com ele os mil anos” (Ap 20:6). “Vi tronos em que se assentaram aqueles a quem havia sido dada autoridade para julgar. Vi as almas dos que foram decapitados por causa do testemunho de Jesus e da palavra de Deus. Eles não tinham adorado a besta nem a sua imagem, e não tinham recebido a sua marca na testa nem nas mãos. Eles ressuscitaram e reinaram com Cristo durante mil anos” (verso 4, NVI). 


Parênteses Alguns cristãos estudiosos da Palavra de Deus têm dificuldade de enxergar esta sequência de raciocínios escatológicos (ou teimam em preferir interpretações do milênio parcialmente embasadas na Bíblia e, portanto, indignas de aceitação!). Caso esse seja o seu caso, meu irmão, minha irmã, decida hoje ser um cristão por inteiro. Não esteja dividido entre as Escrituras assinadas pelo Espírito Santo e os comentários assinados pelos homens. Comentário Bíblico só merece esse nome quando seus autores vencem a tentação de misturar a Palavra de Deus com a palavra dos homens! Agora, você, só vai reconhecer a mistura se conhecer a Bíblia, certo? Por favor, torne-a a base de sua fé e conduta; permita que ela, e somente ela, seja a Palavra de seu amável e Todo-poderoso Mestre!

  1. a)O Juízo dos Anjos Maus pelos Salvos Ora, a quem os salvos julgarão no Céu, se Jesus já realizou a organização da retribuição (ou o julgamento)? Confira o que dizem alguns escritores bíblicos: “Será que vocês não sabem que o povo de Deus julgará o mundo? Por acaso vocês não sabem que nós julgaremos até mesmo os anjos?” (I Co 6:2 e 3, NTLH). Quais anjos? “Porque, se Deus não perdoou aos anjos que pecaram [Ap 12:7], mas, os mergulhou no abismo escuro do Tártaro, os entregando para serem guardados até o julgamento” (II Pe 2:4, BJ). A propósito, onde estarão esses demônios e seu líder, causadores do alastramento da rebeldia contra o governo de Deus em nosso mundo, durante os mil anos? “O bode que pertence a Azazel será oferecido vivo a JAVÉ. Depois Arão mandará esse bode para o deserto” (Lv 16:10). “Então vi descendo do céu um anjo que tinha nas mãos a chave do abismo e uma corrente pesada. Ele agarrou o dragão, aquela velha cobra que é o Diabo ou Satanás, e o amarrou por mil anos. Então o anjo jogou o Diabo no abismo e trancou e selou a porta para que ele não enganasse mais as nações até terminarem os mil anos” (Ap 20:1-3, NTLH). “Todos os reis das nações jazem honrosamente, cada um em seu próprio túmulo. Mas você é atirado fora do seu túmulo, como um galho rejeitado; como as roupas dos mortos que foram feridos pela espada; como os que descem às pedras da cova; como um cadáver pisoteado, você não se unirá a eles num sepultamento, pois destruiu a sua própria terra, e matou o seu próprio povo” (Is 14: 18-20, NVI). “Naquele dia o Senhor castigará os poderes em cima nos céus e os reis em baixo na terra. Eles serão arrebanhados como prisioneiros numa masmorra, trancados numa prisão e castigados depois de muitos dias” (Is 24:21 e 22, NVI). Aqui na Terra, de seres vivos, só restarão esses ex-poderosos malfeitores, que estarão compulsoriamente de férias já que não existem ostras criaturas para deformar e tentar! A estrutura biológica deles ainda resistirá ao terrível caos ocasionado pela presença de Deus nas nuvens em Sua vinda (II Pe 3:10 e 11; Is 24:19 e 20 e Ml 3:2)!
  1. b)O Juízo dos Salvos e dos Ímpios pelos Salvos Além da história completa dos ex-anjos perfeitos, os salvos também avaliarão a vida e o destino dos perdidos, além de sua própria vida e seu destino pela ótica divina! “Ou não sabeis que os santos hão de julgar o mundo?” (I Co 6:2). “Jesus lhes respondeu: Em verdade vos digo que vós, os que me seguistes, quando, na regeneração, o Filho do Homem se assentar no trono da sua glória, também vos assentareis em doze tronos para julgar as doze tribos de Israel” (Mt 19:28). “O que agora vemos é como uma imagem imperfeita num espelho embaçado, mas depois veremos face a face. Agora o meu conhecimento é imperfeito, mas depois conhecerei perfeitamente, assim como sou conhecido por Deus” (I Co 13:12, NTLH). Quantas dúvidas serão retiradas durante o milênio! Todos os por quês que os seguidores de Jesus na Terra faziam e não poucas vezes ficavam sem respostas, sim, todas as perguntas aparentemente ignoradas por Deus, todas as situações injustas, tudo, tudo será explicado pelos Donos de todas as respostas – JAVÉ trino! Dá pra entender por que Deus separará 1000 anos da eternidade só para isso, não é mesmo?! Isto me traz um conforto, uma esperança e uma admiração profunda pelo caráter da Trindade, pois, Eles pensam em tudo e mais um bocado! Sim, a Bíblia me convence facilmente a aguardar pelo advento de Jesus e pelos “mil anos” de respostas e explicações! Outra compreensão importante: quantas lágrimas os salvos derramarão no milênio… Choro de alegria pela inexplicável graça de Deus, mas também lágrimas de tristeza pela ausência e pela explicação da ausência dos queridos companheiros de estadia na Terra (Ap 21:4). Contudo, após o milênio “já não haverá luto, nem pranto, nem dor, porque as primeiras coisas passaram”! (Hendrickson Rogers)

Lista de todos os capítulos desta odisseia soterio-escatológica:

Introdução: Quantas vezes Jesus inscreve e risca um nome no Livro da Vida?

  1.   A) O Livro da Vida e o Julgamento dos terráqueos que começou há mais de 166 anos!
  2.    B) O Juízo na Volta de Jesus.
  3.    C) O Juízo Milenário no Céu.
  4.    D) O Juízo Final.
  5.    E) O Novo Céu do Universo.
  6.    F) A tecnologia divina usada no Julgamento da Terra.
  7.    G) Meu destino pode já ter sido decidido no juízo pré-advento?
  8.    H) O pecado eterno e a procedência do Juiz durante o juízo pré-advento.
  9.   I) Momentos anteriores e posteriores ao encerramento do Juízo no Santuário Celestial.
  10.    J) As 7 últimas Pragas, o Espírito Santo, a Trindade do Mal e os Selados!
  11.    K) O Papado, a Marca da Besta, o Sábado e o Caráter.
  12.   L) O Falso Protestantismo, o Papado, os EUA e o Remanescente Fiel no Armagedom.

Se desejar, baixe o livro o Juízo, o qual é a reunião de todas estas pesquisas! É só clicar AQUI.

2 comentários em “Os primeiros 1000 anos após o advento do Rei Jesus Cristo

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: