As mulheres não são boas em Matemática?

Só de entrar numa classe de ensino superior de engenharia, matemática, física, já dá para notar que mulher é um item raro, uma espécie em extinção.
Voltando um pouquinho atrás nos níveis de educação, temos a famosa afirmação de que “mulher não é boa em matemática”, que parece corroborada pelo fracasso feminino nas escolas de ensino fundamental e médio.
Agora, uma nova análise revela que as avaliações sobre os alunos feitas por professores de matemática do ensino médio têm um viés de gênero.
Os professores claramente tendem a classificar meninas brancas com habilidades matemáticas inferiores aos alunos brancos, mesmo quando as notas e resultados de testes das meninas são comparáveis aos dos meninos. Sacanagem, não? E nós que pensávamos durante todo esse tempo que as mulheres eram ruins de conta mesmo…
“Nós encontramos evidências de uma tendência consistente contra as mulheres brancas, que apesar de ser relativamente pequena em magnitude, sugere que os professores mantêm a crença de que a matemática é mais fácil para os homens do que para mulheres”, disseram as autoras do estudo, Catherine Riegle-Crumb e Melissa Humphriess, da Universidade do Texas, EUA.
O estudo começou em 2002, e analisou uma parcela nacionalmente representativa de alunos americanos do ensino médio, coletando informações dos alunos, pais, bibliotecários e professores. Mais dados serão coletados esse ano.
Segundo as pesquisadoras, o preconceito dos professores contra meninas brancas pode muito bem ser algo de que eles não estão conscientes. É normalmente sutil, mas está definitivamente presente.
Os dados também mostram que a maioria dos professores avalia as habilidades matemáticas de minorias masculinas e femininas como mais baixas (por exemplo, negros e latinos, seja mulher ou homem), quando suas notas realmente são mais baixas, mas isso não constitui um viés, porque os dados apoiam as avaliações dos professores.
No entanto, isso não significa que os estudantes minoritários estão livres de estereótipos negativos. Pesquisas anteriores sugerem que a raça desempenha um papel nas expectativas dos professores sobre os alunos.
Fonte: Hypescience.

Um comentário em “As mulheres não são boas em Matemática?

  • agosto 3, 2012 em 3:43 pm
    Permalink

    nada a ver, sou mulher e sou a melhor da turma em matematica, quimica e fisicca

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: